"Os Homens que não Amavam as Mulheres"

Acho que foi bem no comecinho do ano, eu e minha mãe fomos até a locadora, pegamos vários filmes, e a vendedora nos ofereceu o filme "Os Homens que não Amavam as Mulheres", pela capa achei meio estranho e não queria levar de jeito algum, mas minha mãe convenceu e acabamos alugando também.
Enrolamos para assistir, quer dizer, EU enrolei rsrs, mas finalmente colocamos o Dvd e começou o grande filme. Um pouco estranho, devo admitir, pois ele é Sueco se não me engano, mas muito bom, umas cenas fortes, outras confusas, mas prende a atenção e eu me impressionei. Vale muito a pena! Fiquei sabendo que é uma trilogia chamada "Trilogia Milennium", baseado em livros do autor Stieg Larsson , mas ainda não consegui assistir, minha mãe sim, e disse que são bons também!


Algumas semanas atrás fiquei sabendo que vão lançar o filme "The Girl with the Dragon Tatoo", e quando vi o trailer e algus comentários, legendas, percebi que é O MESMO FILME! Só que com atores conhecidos e americanos....Será que vão dar os devidos créditos? Será que vai ser melhor? Ansiosa e curiosa para assistir.......vamos ver como vai ser. 


 Esse é o trailer do filme Original




Descrição do filme Original:

Harriet Vanger desapareceu 36 anos atrás sem deixar pistas na ilha de Hedeby, um local que é quase propriedade exclusiva da poderosa família Vanger. Apesar da longa investigação policial a jovem de 16 anos nunca foi encontrada. Mesmo depois de tanto tempo seu tio decide continuar as buscas, contratando o jornalista investigativo da revista Millennium, Mikael Blomkvist, que não está em um bom momento de sua vida, enfrenta um processo por calúnia e difamação. Mas, quando o jornalista se junta a Lisbeth Salander, uma investigadora particular nada usual, incontrolável e anti social, a investigação avança muito além do que todos poderiam imaginar


Descrição do "novo" filme:

“A Menina Com Tatuagem De Dragão” é baseado em um dos volumes da trilogia Millennium escrita pelo sueco Stieg Larsson, jornalista e ativista político muito respeitado em seu país.  A trama percorre variados aspectos da vida contemporânea, da ciranda financeira feita de corrupção à invasão de privacidade, da violência sexual contra as mulheres aos movimentos neofascistas e ao abuso de poder de uma maneira geral. Outro é a criação de personagens extremamente bem construídos e originais, como a jovem e genial hacker Lisbeth Salander, magérrima, com o corpo repleto de piercings e tatuagens e comportamento que beira a delinqüência..

Comentários